Brasília, 10 de agosto de 2022 às 23:42
Selecione o Idioma:

República Dominicana

Postado em 20/05/2022 9:34

Situação crítica na geração de eletricidade na República Dominicana

.

Santo Domingo (Prensa Latina) O ministro de Minas e Energia da República Dominicana, Antonio Almonte, informou que hoje quatro usinas de geração privada entrarão em operação no país para aliviar a situação crítica que o país tem.

Segundo o proprietário, as unidades que serão acoplados ao sistema eletroenergético nacional fornecerão 410 megawatts enquanto aguardam que os que estão fora de serviço para manutenção entrem em operação e amenizem falhas imprevistas.

Os apagões irritantes não cessam, o que trouxe protestos em várias províncias e setores desta capital, além de danos econômicos sensíveis.

Almonte culpou o governo passado pela situação existente, apontando que deixou um sistema elétrico sem reservas e com múltiplas deficiências.

Ele também destacou que o Ministério de Minas e Energia realiza licitações para fornecer energia do país e dentro destas está uma usina de gás e a implementação de 800 megawatts como reserva para o país.

“Vamos criar esse sistema para que, como países desenvolvidos, quando uma planta saia de operação, essas formas alternativas possam substituí-los e alcançar apagões são coisa do passado.” disse ele.

Comentários: