16.5 C
Brasília
quarta-feira, 12 junho, 2024

Preços dos alimentos sobem em El Salvador desde janeiro

San Salvador, 21 set (Prensa Latina) Os salvadorenhos tiveram que pagar 10 dólares a mais pela alimentação desde o início de 2023, indicou hoje um relatório do Escritório Nacional de Estatísticas e Censos (ONEC).

Os combustíveis são os mais afectados, já que até ao momento este ano o aumento foi próximo de um dólar e, por exemplo, em Agosto passado a gasolina especial e regular tiveram oscilações de preços de 11 e 10 por cento, respectivamente.

O relatório da ONEC confirmou que a cesta alimentar caiu 17 cêntimos em Agosto nas zonas urbanas e 4,9 dólares nas zonas rurais, algo que não compensa a subida dos preços durante o ano.

A actualização do custo da cesta básica (CBA), publicada na passada terça-feira, mostrou que na zona urbana fixou-se em 255,18 dólares em Agosto, menos 17 cêntimos que em Julho.

A descida não compensa os aumentos do ano, já que em geral os produtos CBA são 10,16 (4,16 por cento) mais caros face aos 245,02 dólares que custava em Janeiro.

Também no meio rural, os alimentos adquiriram mais valor desde o início de 2023. ONEC documenta que o CBA no meio rural situou-se em 189,02 dólares, uma queda de 4,9 dólares face ao valor de julho, quando disparou acima dos 193 dólares

O grupo alimentar varia conforme a zona urbana e rural, mas em ambas as regiões houve redução no custo da ração de tortilhas, gorduras, ovos, arroz e feijão.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS