20.5 C
Brasília
terça-feira, 5 março, 2024

Pesquisa mostra que 81% dos venezuelanos rechaça manifestações violentas da direita

Fonte: AVN
Maioria das manifestações da oposição termina em violência (Foto: Pedro Mattey, AVN)

Uma pesquisa recente da Hinterlaces revela que 81% dos entrevistados rechaça as ações violentas da direita radical como instrumento de protestos, informou o jornalista José Vicente Rangel em seu programa dominical “José Vicente Hoy”.

Foram realizadas 1.580 entrevistas entre os dias 10 e 24 de maio.

Para 74% dos entrevistados, os responsáveis pela violência deveriam ir presos; 25% não concorda com a medida.

Sobre a situação atual do país, a pesquisa fez a seguinte pergunta: “Você diria que com frequência sente raiva ou fúria por não poder mudar as coisas ou melhor diria que está calmo e paciente esperando que a situação melhore?”. Enquanto 64% respondeu estar calmo e paciente, 35% afirmou sentir raiva ou fúria.

Segundo a pesquisa, 45% está confiante que não vai acontecer nada ruim, e 54% sente medo do que possa ocorrer no país.

Este temores aumentaram diante da escalada de violência realizada, desde abril, por setores da oposição em aliança com a deliquência, como parte de um plano de sedição armada que matou mais de 60 pessoas e deixou mais de mil feridos no país, além de danos ao patrimônio público e privado.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS