27.5 C
Brasília
terça-feira, 16 abril, 2024

Número de palestinos mortos por Israel em Gaza ultrapassa 32.600

Palestinos lamentam o corpo de parentes, mortos no bombardeio israelense na noite anterior, no hospital europeu em Khan Yunis, no sul da Faixa de Gaza, em 29 de março de 2024. (Foto AFP)

HispanTV –O número de palestinianos mortos nas agressões brutais do regime israelita contra a bloqueada Faixa de Gaza ultrapassou os 32.600.

“O número de vítimas da agressão israelita aumentou para 32.623 mártires, incluindo 14.350 crianças e 9.460 mulheres, e 75.092 feridos desde 7 de Outubro”, afirmou o Ministério da Saúde palestiniano em Gaza num comunicado.

Conforme relatado pelo Portfólio Palestino, “a ocupação israelense cometeu sete massacres contra famílias em Gaza nas últimas 24 horas, deixando 71 mártires e 112 feridos”.

Observando que um grande número de mártires permanece sob os escombros, a entidade palestiniana denunciou que o exército israelita não permite que forças de resgate transportem as vítimas.

Segundo estimativas das autoridades de saúde palestinas, há cerca de 8 mil palestinos sob os escombros.

O regime israelita lançou uma guerra genocida contra a população da Faixa de Gaza em 7 de Outubro, depois de sofrer uma derrota sem precedentes na operação do Movimento de Resistência Islâmica Palestiniana (HAMAS), chamada Tempestade Al-Aqsa.

Após 175 dias desta agressão, e apesar dos avisos de muitas organizações internacionais sobre a situação crítica dos palestinianos na Faixa de Gaza, a entidade sionista, patrocinada pelos EUA e alguns países ocidentais, continua a atacar os palestinianos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS