Brasília, 15 de agosto de 2022 às 06:38
Selecione o Idioma:

Internacional

Postado em 01/06/2022 11:11

Líder iraniano pede ao papa que contribua para defesa do povo palestino

.

O líder da Revolução Islâmica do Irã, aiatolá Seyed Ali Khamenei, durante um discurso na televisão. (Foto: khamenei.ir)

Hispantv – O Líder do Irã convida o Papa Francisco a se posicionar firmemente em apoio aos oprimidos e contribuir para a defesa do povo da Palestina.

Em mensagem dirigida ao Papa Francisco, o líder da Revolução Islâmica no Irã, aiatolá Seyed Ali Khamenei, pediu ao líder da Igreja Católica que tome uma posição firme e clara em apoio aos oprimidos do mundo, especialmente os palestinos e iemenitas. .

A missa proferida na terça-feira pelo chefe da Escola Teológica de Qom (ou Hawzah), o aiatolá Alireza Arafi, que visita o Vaticano, elogia algumas posições tomadas pelo Papa Francisco para amenizar as relações entre o islamismo e o cristianismo.

Além disso, destaca que “espera-se que o pontífice contribua para a defesa do povo palestino” e destaca a necessidade de resolver a causa palestina pelo voto de palestinos autênticos, incluindo muçulmanos, cristãos e judeus.

Escuela Teológica de Qom y la Iglesia católica refuerzan vínculos | HISPANTV
Escola Teológica de Qom e Igreja Católica estreitam laços | HISPANTV

O chefe da Escola Teológica de Qom (Irã central), o aiatolá Alireza Aarafi, se reúne com o líder da Igreja Católica, o Papa Francisco, no Vaticano.

Em várias ocasiões, o Irã enfatizou que a questão palestina é a principal prioridade do mundo muçulmano e pediu aos palestinos que continuem resistindo à ocupação israelense.

Além disso, as autoridades iranianas sempre denunciaram os crimes perpetrados por Israel contra os palestinos, instando a comunidade internacional a quebrar o silêncio diante das atrocidades cometidas pelo regime de ocupação contra a nação palestina.

Comentários: