21.5 C
Brasília
sexta-feira, 14 junho, 2024

Histórico e justo: Lula sobre três novos reconhecimentos da Palestina

O presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, usando um kufiya (lenço palestino).

HispanTV- O presidente do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva, comemora o anúncio oficial da Espanha, Irlanda e Noruega de reconhecer a Palestina como um Estado independente.

O presidente brasileiro em seu relato X descreveu como “histórica” a decisão da Irlanda , Noruega e Espanha — três países da União Europeia (UE) — de considerarem a Palestina como um Estado soberano a partir de 28 de maio.

Explicou que a decisão é histórica por dois motivos, primeiro porque “faz justiça em relação à reivindicação de todo um povo, reconhecido por mais de 140 países, pelo seu direito à autodeterminação” e também porque “terá um efeito positivo no apoio aos esforços pela paz e estabilidade na região.”

Lula da Silva lembrou que o Brasil foi um dos primeiros países da América Latina a assumir esta posição, quando em 2010 reconheceu o Estado da Palestina.

Até agora, 140 dos 193 países das Nações Unidas reconhecem a Palestina como um Estado com fronteiras de 1967, que inclui a Faixa de Gaza e a Cisjordânia, tendo Al-Quds como capital.

Os recentes reconhecimentos da Palestina ocorreram na quarta-feira, dois dias depois de oito meses de guerra israelita na Faixa de Gaza, que ceifou a vida a mais de 35 mil civis e reduziu a escombros um território sujeito a um bloqueio de 16 anos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS