Brasília, 16 de agosto de 2022 às 06:43
Selecione o Idioma:

Panamá

Postado em 23/06/2022 11:07

Grupos étnicos nas Américas serão o foco da conferência no Panamá

.

Cidade do Panamá (Prensa Latina) A pegada e a situação atual dos grupos étnicos no continente é o foco da Conferência das Américas, na qual o Panamá acolherá pesquisadores da população.

O diretor da Associação Nacional de Estudos Afro-Americanos e Afiliados, Lemuel Berry, explicou à imprensa que o fórum de três dias apresentará estudos sobre a atual situação econômica, política, social e educacional das comunidades indígenas, afro-americanas, asiáticas e latinas, entre outras.

Berry salientou que o istmo está sediando estes fóruns pelo terceiro ano consecutivo, no qual serão adquiridas mais informações associadas à pesquisa global sobre a diáspora afro-panamenha.

O evento, patrocinado pela agência de promoção do turismo, a Secretaria Nacional para o Desenvolvimento dos Povos Afro-Panamenses e a Universidade do Panamá, entre outras organizações, acrescentou, também permite aos estudantes o acesso, através de redes sociais, a palestras de especialistas do mais alto nível.

O intercâmbio contará com a presença de mais de 40 pesquisadores e especialistas dos Estados Unidos, América Central, Panamá, América do Sul, África, Europa e Ásia, que darão cerca de 30 palestras sobre estes temas.

Para Berry, após dois anos de restrições devido à pandemia de Covid-19, esta será uma nova oportunidade para ouvir os relatórios oficiais dos governos envolvidos no desenvolvimento da comunidade e seus relatórios relacionados à Afro e outras culturas.

Comentários: