Brasília, 18 de janeiro de 2022 às 23:38
Selecione o Idioma:

Equador

Postado em 17/11/2021 4:14

Equador sedia IV Feira de Cooperação Internacional

.

Quito (Prensa Latina) O Equador é hoje o palco da IV Feira de Cooperação Internacional, que oferece espaços para avaliar o papel da ajuda para a sustentabilidade, no marco da Agenda 2030.

O evento, denominado Cooperação internacional e inovação territorial para a sustentabilidade, foi inaugurado pelo vice-ministro das Relações Exteriores, César Montaño.

O evento virtual vai até 19 de novembro.

Segundo Montaño, os diferentes momentos da feira buscam responder aos desafios derivados da reativação pós-pandêmica da Covid-19.

“Nesta ocasião, a feira expõe as melhores práticas de cooperação internacional em nosso território, que têm a inovação como força motriz das comunidades”, disse.

Durante o encontro, os participantes conhecerão 43 exemplos práticos de inovação na cooperação para o desenvolvimento no país.

Da mesma forma, conhecerão a proposta do governo nacional de ampliação da reserva marinha das Ilhas Galápagos, apresentada pelo presidente da república, Guillermo Lasso, durante a recente Cúpula da COP26.

Esta iniciativa, considerou, exigirá organismos internacionais de colaboração e cooperação para sustentar o enorme esforço que a conservação dos mares representa para esta nação andina.

O Conselho Nacional de Competências, o Consórcio de Governos Autônomos Provinciais do Equador, a Associação de Municípios Equatorianos, o Instituto de Altos Estudos Nacionais e a Rede Equatoriana de Cooperação e Desenvolvimento Internacional são algumas das instituições envolvidas.

Há também representantes de organismos internacionais, bem como de cooperação governamental e não governamental, entre outros.

Comentários: