Brasília, 11 de agosto de 2022 às 17:48
Selecione o Idioma:

Equador

Postado em 03/08/2022 10:29

Equador assume teletrabalho devido aumento de casos de covid

.

Quito (Prensa Latina) A Assembleia Nacional (Parlamento) do Equador decidiu aceitar o mecanismo de teletrabalho a partir de hoje devido ao aumento dos casos de Covid-19 no país.

A medida atende a recomendação do Comitê de Operações de Emergência (COE) após análise da situação epidemiológica em todo o território, onde há aumento de diagnósticos positivos da doença.

Nesse sentido, o pessoal das funções em que a medida pode ser aplicada assumirá tarefas virtualmente, de acordo com as necessidades institucionais e das áreas administrativas, sem deixar de garantir a prestação de serviços.

De acordo com as disposições do corpo legislativo, manterá 50 por cento da capacidade em todos os espaços de reunião e gabinetes administrativos e indicou o uso obrigatório de máscaras dentro das instalações.

Na última semana de julho, o COE avaliou a situação da Covid-19 no país e confirmou que há uma recuperação das infecções.

Segundo relatos, na capital na sexta-feira passada o Hospital do Instituto Equatoriano de Previdência Social Quito Sur fechou alguns de seus serviços devido ao aumento das internações pela doença.

Tendo em conta a situação, sugeriu que as entidades públicas e os Governos Autônomos Descentralizados assumam o teletrabalho, especialmente nos casos de trabalhadores com doenças catastróficas, órfãs e especiais, pessoas idosas, grávidas e pessoas com doenças crônicas e imunológicas.

A medida será mantida até 14 de agosto, quando o órgão revisará novamente o quadro epidemiológico nacional.

Comentários: