24.5 C
Brasília
sábado, 22 junho, 2024

Defesa Civil Boliviana mantém mobilização devido aos incêndios

La Paz, 7 de novembro (Prensa Latina) O vice-ministro da Defesa Civil da Bolívia, Juan Carlos Calvimontes, garantiu hoje que os bombeiros florestais combatem sete incêndios em todo o país, dos quais quatro correspondem ao departamento de La Paz.

Calvimontes disse em entrevista ao canal estatal Bolivia TV que “o departamento onde se registra o maior número de incêndios é La Paz, há incêndios que, embora não sejam de grande magnitude, são produto do chaqueo”.

Esses municípios de La Paz são Palos Blancos, Caranavi, Inquisivi e San Buenaventura, onde dois helicópteros e mais de 80 bombeiros florestais permanecem mobilizados no combate às chamas.

Uma patrulha aérea sobre Chiquitânia mostrou que dois incêndios florestais prevalecem em Santa Cruz.

Segundo Calvimontes, não foi alcançado o controle de 30 por cento de um deles e espera-se que seja totalmente neutralizado em 72 horas.

A outra fica no município de San Matías, onde foi confirmado o descontrole de uma queima de pasto que invadiu uma área florestal de uma pecuária privada.

Segundo o vice-ministro, patrulhas aéreas nesta zona também confirmaram um grande número de chaqueos (preparação de terreno com chamas) ilegais.

Relativamente à poluição atmosférica com fumo em Santa Cruz, Calvimontes explicou que esta tem a sua origem na queima de pastagens do vizinho departamento de Beni, afectado por um incêndio activo em Rurrenabaque.

O vice-chefe especificou que até esta segunda-feira foram reportadas 2.155 fontes de calor em todo o país, das quais 1.208 correspondem a El Beni, o equivalente a 50 por cento, causadas pela queima de “uma grande quantidade de pastagens”.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS