Brasília, 1 de agosto de 2021 às 20:49
Selecione o Idioma:

Cuba

Postado em 24/02/2021 10:43

Cuba: Biocen, da notícia à esperança na luta contra a Covid-19

.

Se há algo que o cubano incorporou nestes tempos de pandemia, é a terminologia científica. Antígeno, morbidade e nasofaringe são algumas das apropriações, mas, sem dúvida, as vacinas candidatas são pronunciadas com uma distinção especial, pois definem a esperança coletiva.

A alegria foi maior nas últimas horas, quando o Centro Nacional de Biopreparações (BioCen), com sede no município de Bejucal, em Mayabeque, anunciou a entrada em fase de dimensionamento produtivo, em suas instalações, da vacina Soberana 02, que deve iniciar a fase III de seu teste clínico, nos primeiros dias de março, com a vacinação de cerca de 42.600 pessoas.

As principais autoridades da entidade BioCubaFarma e do Instituto Finlay de Vacinas chegaram à Usina Parenteral da instituição, uma das duas únicas Empresas de Alta Tecnologia do país (junto com o Centro de Engenharia Genética e Biotecnologia) para verificar a produção em larga escala de ampolas da mais avançada vacina candidata das quatro disponíveis no país para o protocolo de combate à Covid-19.

O sistema de produção da Soberana 02 é resultado de uma parceria entre o Instituto Finlay de Vacinas (IFV), o Centro de Imunologia Molecular (CIM) e o Centro Nacional de Biopreparações (BioCen).

Comentários: