27.5 C
Brasília
terça-feira, 23 abril, 2024

CHILE, OU A ARTE DE ENGANAR O POVO

Governo e oposição anunciam em Santiago do Chile o acordo que não corresponde às reivindicações populares manifestadas no levantamento nas ruas

O tão aclamado acordo entre o governo e quase toda a oposição no Chile – com excepção de comunistas e humanistas – não garante a elaboração democrática de uma Constituição que rompa com o modelo neoliberal imposto pela férrea ditadura de Pinochet. O acordo não garante mesmo a elaboração da Constituição por uma assembleia constituinte totalmente eleita por voto directo. E reserva a exigência de aprovação da Carta por dois terços dos constituintes, entregando as decisões essenciais do país ao veto dos mesmos de sempre. Assim se engana um poderoso e genuíno levantamento popular.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS