12.5 C
Brasília
domingo, 23 junho, 2024

Ataque russo destrói defesa antiaérea de infraestruturas críticas da Ucrânia

© Sputnik / SPUTNIK

Sputnik – Um ataque da Força Aeroespacial russa destruiu a defesa antiaérea que protegia infraestruturas críticas da Ucrânia.

Na direção de Kupyansk, o regime de Kiev perdeu até 70 combatentes em confrontos com as forças russas.
Enquanto isso, na direção de Krasny Liman mais de 60 militares ucranianos foram aniquilados.
Na região de Carcóvia, um depósito de munição de uma brigada de Defesa Territorial da Ucrânia foi destruído.
Ainda no sul de Donetsk, o regime de Kiev perdeu mais de 50 combatentes em confrontos com as forças russas.
O presidente da Ucrânia, Vladimir Zelensky, chega para fazer um discurso intitulado Não há paz sem justiça para a Ucrânia, em Haia, Holanda, 4 de maio de 2023 - Sputnik Brasil, 1920, 01.06.2023

Operação militar especial russa

Zelensky deixa claro que não irá à cúpula da OTAN e faz ultimato à aliança, diz mídia

Os sistemas de defesa antiaérea russos abateram um avião Su-25 da Força Aérea ucraniana na região de Kherson.
Ainda em Kherson, mais de 30 militares ucranianos, bem como um sistema de artilharia M777 americano, foram eliminados.
As forças russas ainda abateram oito foguetes de lançadores Himars, um míssil antirradar HARM e 29 drones da Ucrânia.
Também foram destruídos quatro veículos de combate de infantaria, duas picapes, três obuseiros D-20, dois sistemas Grad, dois sistemas de artilharia M777 e uma peça de artilharia autopropulsada Paladin.
De acordo com os dados do Ministério da Defesa da Rússia, desde o início da operação militar especial foram destruídos: 431 aviões da Ucrânia, 235 helicópteros, 4.436 drones, 424 sistemas de defesa antiaérea, 9.356 tanques e outros veículos blindados de combate, 1.108 lançadores múltiplos de foguetes, 4.971 peças de artilharia de campanha e morteiros e 10.598 veículos militares especiais.

Soldados ucranianos da 103ª Brigada da Defesa Territorial das Forças Armadas em treinamento no oeste na Ucrânia, perto da cidade de Lvov, 29 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 29.05.2023

Operação militar especial russa

Mídia asiática explica razões pelas quais Zelensky hesita em lançar uma contraofensiva

ÚLTIMAS NOTÍCIAS