19.5 C
Brasília
domingo, 14 julho, 2024

Aniversário do Parque Nacional de Galápagos, paraíso natural no Equador

Quito (Prensa Latina) O Parque Nacional de Galápagos, considerado um paraíso natural no Equador, comemora nesta sexta (04) 65 anos de fundação no arquipélago que leva o mesmo nome no país andino.

Em 1959, o Equador oficializou a criação deste espaço, mesmo ano em que se comemorou o centenário da publicação de “A Origem das Espécies”, do naturalista inglês Charles Darwin.

Desde então, tem sido um exemplo global de conservação e gestão ambiental e em 1978 foi declarado Patrimônio Mundial pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO).

de-aniversário-parque-nacional-de-galápagos-paraíso-natural-no-equador

As Ilhas Galápagos, compostas por 13 ilhas principais, quatro delas povoadas, e mais de 200 ilhotas, rochas ou ilhas menores, abrigam uma grande variedade de flora e fauna, incluindo tartarugas gigantes, iguanas, leões marinhos, pinguins, golfinhos e um grande número de aves marinhas.

Esta biodiversidade única deve-se ao seu isolamento geográfico e à variedade de habitats que oferecem, desde vulcões activos a praias de areia branca e florestas tropicais.

No entanto, ao longo dos anos, Galápagos enfrentou numerosos desafios ambientais, incluindo os impactos do turismo, das espécies invasoras e das alterações climáticas.

O turismo é uma importante fonte de receitas, mas também representa um desafio para a sua conservação.

Por esta razão, as autoridades do Parque Nacional implementaram medidas de controlo rigorosas, incluindo a limitação do número de visitantes e o estabelecimento de rotas específicas para minimizar o impacto humano nos ecossistemas frágeis.

O Parque Nacional de Galápagos também serve como um centro vital para a investigação científica.

A partir daí, a Estação Científica Charles Darwin, localizada na Ilha de Santa Cruz, realiza pesquisas essenciais sobre a ecologia e conservação do arquipélago.

Além disso, o parque oferece programas educativos para comunidades locais e visitantes, enfatizando a importância da conservação e do respeito ao meio ambiente.

arco/nta

ÚLTIMAS NOTÍCIAS