26.5 C
Brasília
terça-feira, 28 maio, 2024

“A vitória da esquerda na Colômbia é uma derrota para os EUA”

 O presidente eleito da Colômbia, Gustavo Petro, fala aos apoiadores após vencer um segundo turno, em 19 de junho de 2022.

Hispantv – A vitória de Gustavo Petro como primeiro presidente de esquerda da Colômbia é vista como uma derrota para os EUA, que investiram pesado para impedi-la.

O ex-embaixador iraniano no México, Mohamad Hasan Qadiri Abyaneh, em entrevista publicada na terça-feira, destacou que, como a Colômbia é o ponto de conexão entre a América Central e do Sul e compartilha uma longa fronteira com a Venezuela, suas mudanças políticas são de crucial importância.

Nesse sentido, indicou que, nas últimas décadas, a história da Colômbia é marcada pela interferência dos EUA em todos os aspectos da vida no país sul-americano, e os relatórios mostram que os americanos estavam usando a Colômbia para realizar seus planos nefastos contra outros países, especialmente a Venezuela.

Venezuela pronta para renovar relações com a Colômbia da Petro
Para ele, a chegada ao poder de um presidente de esquerda na Colômbia é extremamente importante na situação atual, pois os EUA perderão seu quintal na região, apesar dos esforços que fizeram para a vitória da direita.

Líderes políticos reconhecem vitória de Petro nas eleições presidenciais
“EUA. Ele investiu pesadamente na derrota de Gustavo Petro, mas os americanos não vão desistir de suas tramas contra a Colômbia. Ele vai armar conspirações contra o novo governo colombiano, assim como fez depois da vitória do falecido presidente da Venezuela, Hugo Chávez, recorrendo a várias conspirações e golpes de estado”, argumentou.

Petro propone diálogo de América Latina con EEUU ¿sobre qué? | HISPANTVPetro propõe diálogo entre América Latina e EUA, sobre o quê? | HISPANTV

O presidente eleito da Colômbia, Gustavo Petro, conclama os EUA e toda a América Latina a dialogar sem exclusão sobre questões que afetam todo o continente.

Depois de afirmar que “a vitória do povo colombiano é a derrota dos EUA, que está em declínio”, o cientista político iraniano argumentou que essa vitória ocorre em um momento em que os Estados Unidos estão no auge de seus problemas econômicos, e o mundo está passando de um sistema unipolar para um multidimensional.

Maduro: O século 21 é o século do declínio do imperialismo
Irã deve fortalecer seus laços com a Colômbia da Petro
Abyaneh destacou a importância da República Islâmica do Irã fortalecer as relações políticas e econômicas com a Colômbia de Petro.

Nesse sentido, explicou que uma das políticas dos Estados Unidos na América Latina, incluindo a Colômbia, é impedir o crescimento industrial desses países e não permitir a produção de riqueza impondo várias restrições para que fiquem sempre dependentes do Estados Unidos. Diante dessa situação, o Irã deve aproveitar a oportunidade para abrir as portas à cooperação política e econômica com a Colômbia para desenvolver as economias dos dois países.

“O Irã deve desempenhar um papel efetivo na redução da influência dos EUA neste país, pois é muito fértil e o setor privado pode investir e ter interações significativas no campo do comércio”, acrescentou.
Mais sobre o texto originalÉ necessário fornecer o texto original para ver mais informações sobre a tradução
Enviar feedback
Painéis laterais

ÚLTIMAS NOTÍCIAS