21.5 C
Brasília
domingo, 23 junho, 2024

A Palestina apoia a proposta da FIFA de batizar campos com o nome de Pelé

A Palestina apoia a proposta do presidente da FIFA de batizar campos com o nome de Pelé. Um campo próximo a Belém será chamado de Estádio Internacional Al Khader Pelé. Um número crescente de associações membros estão seguindo esse exemplo.

Por: Heba Ayyad

A Palestina faz parte do grupo crescente de associações membros da FIFA que endossaram a ideia do presidente da organização, Gianni Infantino, de nomear campos com o nome da lenda brasileira Pelé. O Estádio Internacional Al Khader Pelé, na Cisjordânia, será inaugurado com a presença do presidente da Federação Palestina de Futebol, Jibril Alrjoub; o presidente da Federação de Futebol do Catar, H.E. Sheikh Hamad Bin Khalifa Bin Ahmed Al Thani; o presidente da Federação de Futebol da Jordânia, H.R.H. Príncipe Ali ben Al Hussein; e o membro do Conselho da FIFA e do Comitê Executivo da Confederação Africana de Futebol (CAF), Hany Abo Rida.

Infantino elogiou a iniciativa: “Fico feliz em ver que a Palestina batizou um estádio em Belém com o nome de O Rei Pelé. O que ele fez no campo, assim como fora dele, tocou a vida de muitos milhões de pessoas em todo o mundo. Este é um legado que agora está sendo homenageado com cada vez mais campos de futebol sendo batizados em sua honra. Ele trouxe tanta alegria para tantas pessoas”.

Pelé é o único jogador de futebol a conquistar três títulos da Copa do Mundo da FIFA. A própria organização já deu o exemplo ao batizar seu estádio-sede de “Estádio Pelé – FIFA Zürich” em 3 de janeiro de 2023. A Palestina é uma das associações-membro que seguiram o exemplo, juntamente com as Maldivas, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Ruanda, Colômbia, Cazaquistão e Panamá.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS