Brasília, 17 de junho de 2021 às 04:21
Selecione o Idioma:

Cultura

Postado em 21/05/2021 9:13

‘Trinta Povos’ de Zeca Brito ganha première Argentina

.

Documentário está em competição no Festival Internacional de Cine Religioso

O documentário “Trinta Povos” de Zeca Brito tem sua estreia argentina marcada para o domingo (23), no 7º ArFeCine – Festival Internacional de Cine Religioso (Argentina). Uma live com o diretor começa às 19h30min, seguida da exibição do filme às 21h. O evento acontece em formato online no site www.arfecine.com e YouTube, disponível para o Brasil. O filme participa da mostra competitiva que inclui seis documentários de todo o mundo. No fim de junho, “Trinta Povos” volta à programação do canal por assinatura Canal Curta!

Primeiro festival do gênero na Argentina, o ArFeCine tem como objetivo criar um espaço de reflexão entre religiões, fé e crenças e sua relação com a arte. O júri oficial deste ano é integrado pelo presidente da Associação de Críticos de Cinema da Bélgica, Guido Convents, o crítico e programador do Punta del Este Jewish Film Festival, Alejandro Yamgotchian e o crítico argentino Ricardo Randazzo.

“Parte importante do filme foi rodada no estado Argentino de Misiones”, destaca o diretor Zeca Brito (“Legalidade”), que também produz e roteiriza. “É uma história que atravessa nossos países, que hoje se vê refletida em uma cultura comum, que vai do chimarrão ao Chamamé, e passa pelo passado Guarani”, conclui.

Documentário gaúcho “Trinta Povos” e mais destaques desta terça | GZH

“Trinta Povos” tem produção da Anti Filmes e Boulevard Filmes. Sétimo longa-metragem do diretor bajeense, aborda o legado das missões jesuíticas na América Latina. “Trinta Povos” investiga a história do Brasil, Argentina e Paraguai através de ruínas e reminiscências de arquitetura, pintura e mitologias.

7º ArFeCine – Festival Internacional de Cine Religioso

Documentário “Trinta Povos” de Zeca Brito | Livre | 78 min

23/05/2021 (dom): live (19h30min) e filme (21h)

www.arfecine.com | YouTube

Isidoro B. Guggiana
Assessoria de Imprensa

Comentários: