Brasília, 19 de maio de 2022 às 16:30
Selecione o Idioma:

Sem Titulo

Postado em 27/10/2016 6:54

Sul-africanos rendem homenagens a Oliver Tambo

.

Os sul-africanos rememoram nesta quinta-feira (27) a vida do histórico presidente do Congresso Nacional Africano (ANC), Oliver Tambo, no dia que ele comemoraria 99 anos O chefe de Estado Jacob Zuma esteve à frente da cerimônia oficial em memória de Tambo (27 de outubro de 1917), realizada em Wattville, Benoni, área metropolitana de Ekurhuleni, na província de Gauteng.
Segundo comunicado da presidência, o falecido líder, lutador contra o apartheid, “deu forma à política externa da África do Sul democrática” e levou a mensagem do ANC “durante o momento mais difícil na história do país”.
Oliver Reginald Tambo nasceu em Mbizana no leste de Mpondoland, que agora é a província de Cabo Oriental.
Junto com Nelson Mandela e Walter Sisulu foi membro fundador de Liga da Juventude do ANC em 1943, convertendo-se em seu primeiro secretário nacional e mais tarde em um membro do executivo da organização em 1948.
Estudou na Universidade de Fort Hare, de onde o expulsaram junto com Mandela e outros companheiros por participarem de uma greve estudantil.
Em 1967, tornou-se presidente interino do ANC depois da morte de Albert Lutuli. Em 1985 foi reeleito para o cargo.
Regressou ao seu país em 1991 depois de três décadas de exílio na Zâmbia, e em julho do mesmo ano foi reeleito chefe do partido. Por motivos de saúde teve que se retirar em 1991, ficando Mandela como líder do ANC, após mais de 27 anos de prisão.
Oliver Tambo faleceu por complicações de um segundo derrame cerebral em 24 de abril de 1993.
Fonte: Prensa Latina

Comentários: