Brasília, 3 de agosto de 2021 às 00:37
Selecione o Idioma:

Internacional

Postado em 20/07/2020 6:40

Síria promove eleições legislativas

.

FotosPL

Damasco, (Prensa Latina) De acordo com o ciclo constitucional, começaram hoje na Síria as eleições da terceira legislatura para selecionar os 250 deputados à Assembleia do Povo, Parlamento.

Em todo o país estão habilitados 7.777 colégios eleitorais para eleger aos parlamentares entre 1.656 candidatos, entre eles 200 mulheres, esta última uma cifra superior às últimas eleições efetuadas em 2016.

As urnas foram abertas desde as 07:00 (hora local) deste domingo, inclusive em zonas sob controle governamental nas cidades de Qamishli e Hasaka, capital da província de igual nome e ainda quando em algumas áreas as chamadas Forças Democráticas Sírias, respaldadas pelos Estados Unidos, executam ações de chantagem e pressão contra a população.

Este processo eleitoral representa para os sírios um desafio a vencer em frente à a cada vez maiores ataques de todo tipo dos grupos extremistas e a presença de tropas turcas e estadunidenses nessas regiões e em algumas das províncias de Alepo, Raqqa e Deir Ezzor.

Longamente sabotadas e desvirtuadas desde o exterior em seus objetivos, as eleições parlamentares sírias estão de acordo com a Constituição Nacional vigente e estão cumprindo-se de acordo ao sistema organizativo e cronológico, vale dizer em tempo e forma.

A Assembleia do Povo, Parlamento, exerce o poder legislativo nesta nação do Levante e atua na aprovação e emissão, a decisão de execução do orçamento nacional e assuntos relacionados com a situação de guerra imposta que vive o país desde fins do 2011.

De acordo com as previsões e sobre a base de respeitar as medidas restritivas relacionadas com a pandemia de Covid 19, a votação estende-se até as 19:00 hora local.

Comentários: