9.5 C
Brasília
quarta-feira, 24 julho, 2024

Rússia e Índia veem perspectivas de cooperação na área do ciclo fechado de combustível nuclear

© Sputnik / Yevgeny Biyatov

Sputnik – A Rússia e a Índia veem perspectivas de cooperação no campo do ciclo fechado do combustível nuclear, disse a empresa nuclear estatal russa Rosatom nesta terça-feira (9).

“A cooperação no domínio do ciclo fechado do combustível nuclear parece promissora”, diz o documento. Ainda segundo a empresa, Rússia e Índia estão discutindo o potencial de trânsito da Rota Marítima do Norte.

“Organizações relevantes da Rússia e da Índia estão discutindo a possibilidade de fornecimento sistêmico de recursos energéticos russos — petróleo, carvão e gás natural liquefeito [GNL] — dos portos do noroeste da Rússia, através da Rota Marítima do Norte, para os portos indianos, com transbordo nos portos russos do Extremo Oriente”, diz o comunicado.
A Rússia e a Índia também estão trabalhando na organização de um projeto-piloto para o trânsito internacional de contêineres através da Rota Marítima do Norte.
A Rosatom disse que está discutindo a possibilidade de construir mais seis unidades nucleares de alta potência e usinas nucleares de baixa potência na Índia.
Uma bandeira nacional russa e bandeiras com o logotipo da Rosatom tremulam no canteiro de obras de uma torre de resfriamento na usina nuclear Kursk II, perto da vila de Makarovka, nos arredores de Kurchatov, região de Kursk - Sputnik Brasil, 1920, 20.06.2024

Panorama internacional

Rosatom vai retomar negociações para construção de usina nuclear no Vietnã

“Novas áreas de cooperação também estão sendo discutidas. Estamos falando sobre a construção de mais seis unidades de alta potência de projeto russo na Índia em um novo local e de usinas nucleares de baixa potência de projeto russo”, diz o comunicado.

Além disso, a Rússia entregou à Índia as suas propostas no domínio da criação de usinas nucleares flutuantes em abril.
“Uma nova direção de cooperação são as usinas nucleares de baixa potência. Em abril de 2024, os parceiros da Índia receberam informações sobre as decisões da corporação estatal Rosatom no campo das usinas nucleares flutuantes”, afirma o documento.
Atualmente está sendo realizada a tarefa técnica para a construção da nova usina nuclear de projeto russo na Índia com reatores energéticos de água pressurizada com 1.200 megawatts de potência, destacou a corporação.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS