Brasília, 2 de dezembro de 2021 às 14:28
Selecione o Idioma:

Sem Titulo

Postado em 28/09/2017 6:03

Preço do petróleo em iuanes protege economia venezuelana da perda de confiança no dólar

.

Caracas, AVN.- O cálculo do preço do petróleo em iuan, moeda chinesa, permite proteger a economia venezuelana da perda de confiança em relação ao dólar no mercado internacional, afirmou nesta terça-feira o especialista em petróleo David Paravisini.
Em entrevista para a Agência Venezuelana de Notícias (AVN), Paravisini se referiu ao temor que existe sobre como serão realizados os contratos a futuro do petróleo devido à deterioração do dólar como moeda do comércio internacional, devido à percepção negativa das políticas propostas pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, por parte dos mercados cambiários, de valores e capitais.
Ele recordou que a China anunciou planos para que o comércio de petróleo seja realizado em iuanes e com possibilidade de conversão ao ouro, o que supõe o surgimento de uma nova referência de preços no mercado internacional.
Atualmente, no mercado mundial os preços do West Texas Intermediate (WTI), de referência nos Estados Unidos, e Brent, de referência na Europa, são calculados em dólar, e assim o uso do iuan pode acabar com a hegmonia da moeda estadunidense.
“Não é somente a Venezuela, a mesma China tem feito contratos a futuro em iuanes; fez 24 mil contratos a futuro em julho como prova e foi um sucesso, o que mostra que isso vai se tornar uma prática corrente”, acrescentou.
Há duas semanas o governo venezuelano começou a fazer a cotação de sua cesta de petróleo em iuanes. Entre os dias 11 e 15 de setembro o petróleo venezuelano (Merey) foi cotado com uma média de 306,26 iuanes e na semana passada teve uma média de 318,81 iuanes por barril.
No final de agosto, Washington impôs sanções financeiras contra a Venezuela, que afetam o setor petroleiro.
Neste contexto, o governo bolivariano propôs romper a dependência da Venezuela em relação ao dólar, através do uso de uma cesta de moedas

Comentários: