Brasília, 3 de agosto de 2022 às 21:36
Selecione o Idioma:

Internacional

Postado em 14/01/2022 5:05

O PARTIDO DA GUERRA VENCE – A RÚSSIA AGORA ESTÁ LIVRE PARA AGIR UNILATERALMENTE

.

The Saker [*]
Primeiro, uma rápida actualização sobre o Cazaquistão: a CSTO começará a sua retirada e essa operação estará concluída no dia 19 de Janeiro (não sei se alguém informará Blinken sobre a rapidez com que os russos partem).
Esta operação foi verdadeiramente um triunfo para a Rússia e seus aliados.
Diz-se que a esperança morre por último, e hoje parece que morreu qualquer esperança que possamos ter tido. Uma série de negociações que durou uma semana parece não ter produzido absolutamente nada. Havia algumas vozes sãs a defender uma solução negociada, mas estas vozes foram agora afogadas pelo enorme coro de políticos histericamente russofóbicos que, sentindo segurança por serem em maior número, disseram ao urso russo para se dar como perdido.
Isto é um triunfo para os Neocons norte-americanos e para os seus protegidos na UE.
Então, para onde vamos a partir daqui?
É bastante óbvio: A Rússia dará início a uma política de ações unilaterais destinadas a fazer avançar os interesses nacionais russos vitais. Muitas dessas ações irão aumentar o “contador” da dor para os EUA/UE/OTAN. Ao invés de tentar adivinhar o que irá acontecer a seguir, prefiro esperar que estas acções unilaterais se tornem públicas.
Uma boa notícia é que o míssil Zircon agora está oficialmente aceite para serviço. Um bom timing, com certeza.
Concluirei esta breve mensagem dizendo que na minha opinião estritamente pessoal, agora seria uma boa altura para a Rússia cortar todas as suas relações diplomáticas com pelo menos os piores agressores do Ocidente, a começar pelos próprios EUA, é claro. Porquê?
Porque ter relações diplomáticas com amigos, parceiros ou contrapartes geralmente civilizados e dignos de confiança faz sentido. A maior parte dos países ocidentais hoje não se qualifica, então qual é o sentido?
77 anos após o fim da Segunda Guerra Mundial, o Ocidente fechou um círculo e voltou à sua habitual homeostase messiânica: megalomania racista, ilusões sobre a sua própria invulnerabilidade e invencibilidade.
Isto envia uma mensagem poderosa e importante a todos da Zona B, especialmente à China.
Terá a Rússia feito bem em envolver-se nestas negociações?
Sim, absolutamente. Um país que perdeu 27 milhões dos seus cidadãos para a megalomania ocidental tinha o dever moral de tentar fazer tudo para evitar outra guerra. Sim, as probabilidades de êxito eram infinitesimais. Mas moralmente, a Rússia tinha de tentar e ela o fez.
Agora que tem as suas mãos desatadas, pode fazer tudo o que considerar necessário.
Óptimo.
Bandeiras nazis.
Bandeiras nazis depostas na Praça Vermelha, após a II Guerra Mundial
A principal questão agora é esta: desta vez qual será o preço a pagar para trazer o Ocidente messiânico de volta à realidade?
Em breve descobriremos.

13/Janeiro/2022

[*] Analista militar.
O original encontra-se em thesaker.is/https-smoothiex12-blogspot-com-2022-01-3m22-zircon-is-officially-accepted-for-html/
Este artigo encontra-se em resistir.info

Comentários: