19.5 C
Brasília
domingo, 14 julho, 2024

O legado de Che Guevara transcende fronteiras na América Latina

Foto: Prensa Latina

Por: Indira Nàpoles/Cònsul da Embaixada da Cuba no Brasil

O legado de Ernesto Che Guevara ganha força na América Latina no XCVI do seu nascimento, pela sua capacidade de contribuir para uma busca fundamental: a libertação dos povos da Nossa América.

Relembrar o Che é necessário hoje mais do que nunca, quando a América Latina enfrenta frontalmente a investida ideológica do imperialismo, ganhando novo fôlego nos setores conservadores e reacionários, para continuar excluindo, ainda mais, os demais pobres, múltiplos e subdesenvolvidos.

Lembrar o Che, revolucionário e incansável lutador pela libertação dos povos da Nossa América, inspira-nos a continuar a trabalhar pela liberdade, pela dignidade, pelo desenvolvimento económico e pela unidade da Grande Pátria. Sinto-me muito patriótico pela América Latina, por qualquer país da América Latina (…) e, quando necessário, estaria disposto a dar a minha vida pela libertação desses povos, garantiu.

A validade das ideias de Che se manifesta ao longo da história da América Latina e de todos os seus processos emancipatórios, pois ele soube, à frente de seu tempo, prever o que aconteceria e deu seus critérios sobre o assunto.  A sua vida constitui um processo de estudo obrigatório para qualquer revolucionário latino-americano.

José Martí disse com razão no seu famoso ensaio Nossa América que: “Trincheiras de ideias valem mais que trincheiras de pedras”.  Na verdade, é um princípio que está plenamente em conformidade com o pensamento de Ernesto Che Guevara. As suas ideias e o exemplo da sua ética revolucionária permanecem vivos nos jovens, homens e mulheres que lutam pela justiça social em todos os povos da terra.

As ideias de Che continuam a representar um grande estímulo aos princípios anti-imperialistas para avançar na conquista do poder popular, bem como elevar o nível de organização e articulação em defesa dos povos humildes. Assim, a máxima de Che Guevara continua a ter grande validade no século XXI quando afirmou: “E se todos conseguíssemos unir-nos, para que os nossos golpes fossem mais sólidos e precisos, para que a ajuda de todos os tipos aos povos em luta fosse ainda mais eficaz, quão grande seria o futuro e quão próximo!

A sua imagem, ideologia e legado são internacionais, reconhecidos e respeitados por diferentes gerações em diferentes partes do mundo. Sua marca alcançou todas as latitudes. Até à vitória sempre!.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS