Brasília, 24 de janeiro de 2022 às 20:46
Selecione o Idioma:

Jamaica

Postado em 11/08/2021 4:26

Medidas extremas na Jamaica contra a ameaça da peste suína

.

Kingston, 11 de ago (Prensa Latina) O veterinário-chefe do Ministério da Agricultura e Pesca da Jamaica, Osbil Watson, instou o governo a intensificar as medidas devido à propagação da peste suína africana na República Dominicana, informou nesta quarta (11).
Watson garantiu que é uma ameaça extrema ao país e defendeu o aumento dos controles de segurança nas fronteiras, informou o jornal Jamaica Gleaner.

Devemos permanecer vigilantes porque isso é tão devastador que preocupa toda a América, a indústria de suínos da região pode ser ameaçada se a doença mortal se espalhar, explicou.

A presença de peste suína africana em amostras de suínos da República Dominicana foi confirmada no final de julho e a Jamaica mantém vigilância desde então.

Por meio de sua Divisão de Serviços Veterinários, o Ministério da Agricultura e Pesca intensificou a colaboração com a Alfândega, Guarda Costeira, Agência de Imigração e Cidadania, criadores de porcos e todos os jamaicanos para minimizar o risco de entrada.

A peste suína africana é uma doença viral dos porcos devastadora, economicamente significativa e altamente contagiosa, que causa uma alta taxa de mortalidade de quase 100 por cento, alertaram fontes de saúde.

Comentários: