11.5 C
Brasília
terça-feira, 23 julho, 2024

Irã faz primeira transação de petróleo após levantamento das sanções

A maior refinaria da Grécia, a Hellenic Petroleum, assinou um acordo de compra de petróleo iraniano, marcando a primeira venda do país desde que as sanções foram levantadas.

A empresa grega disse ter chegado a um acordo a longo prazo, com entregas a começarem imediatamente.

O acordo foi assinado após responsáveis gregos e iranianos se terem reunido em Atenas na sexta-feira (22), segundo o Wall Street Journal. Após a reunião, o vice-ministro do Petróleo iraniano, Amir-Hossein Zamaninia, e ministro da Energia grego, Panos Skourletis, disseram que as partes tinham discutido uma série de questões, incluindo o fornecimento de petróleo, gás natural e energias renováveis.

De acordo com analistas, a Hellenic Petroleum deve pagar ao Irã em torno de $ 541 até $ 650 milhões em troca ao petróleo bruto que a empresa comprou antes de sanções serem impostas em 2011. E a soma ainda deverá ser reembolsada.

Em 14 de julho, 2015, Teerã e um grupo de seis negociadores internacionais assinaram o acordo final sobre o programa nuclear iraniano em troca da suspensão das sanções.

As sanções foram levantadas em 16 de janeiro, por parte tanto dos EUA como da União Europeia. A mudança veio em um altura em que há excesso de oferta no mercado mundial de petróleo, com a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP) recusando-se a reduzir a sua produção diária.

Segundo as previsões, a implementação do acordo iraniano virá adicionar pelo menos 500 mil barris por dia ao mercado de petróleo. Para Teerã, aumentar a produção deste combustível é uma forma de compensar as perdas financeiras que o país sofreu quando estava sob as sanções.

Leia mais: http://br.sputniknews.com/mundo/20160124/3380257/ira-faz-primeira-transacao-de-petroleo-apos-levantamento-das-sancoes.html#ixzz3yBxpsTds

ÚLTIMAS NOTÍCIAS