9.5 C
Brasília
quarta-feira, 24 julho, 2024

Dedicado a Bahia: Santiago de Cuba promove a 43ª edição do Festival do Caribe

Olodum é uma das atrações do festival

Santiago de Cuba, 3 de julho (Prensa Latina) A quadragésima terceira edição do Festival Caribenho, conhecido como Fiesta del Fuego, começou nesta quarta (03) em Santiago de Cuba com a participação de mais de 300 estrangeiros de 16 países e trinta grupos cubanos.

O centro cultural Heredia desta cidade acolheu a gala inaugural, na qual foi apresentado um espectáculo variado, que expressa a diversidade cromática do som e da dança do Caribe, festa nesta ocasião dedicada ao estado da Bahia, da República Federativa do Brasil ., cujo talento artístico estava presente.

Orlando Vergés, diretor da Casa del Caribe, em seu discurso de abertura enviou mensagens de solidariedade ao povo palestino que sofre com o genocídio perpetrado por Israel e às nações caribenhas que atualmente são atingidas pelo furacão Beryl.

Também dedicou palavras de homenagem ao jornalista e escritor Pedro de la Hoz e ao bibliógrafo Tomás Fernández, estudiosos da cultura caribenha, recentemente falecidos.

Agradeceu o apoio das mais altas autoridades de Cuba, do Ministério da Cultura, bem como do Partido Comunista e do Governo de Santiago de Cuba, pela confiança nos organizadores que assumiram o desafio de criar o festival neste contexto económico.

Destacou as semelhanças étnicas e folclóricas entre Cuba e a Bahia e reconheceu o trabalho da missão diplomática cubana no Brasil e do embaixador do gigante sul-americano em Cuba, Cristian Vargas, que trabalharam em equipe para viabilizar a participação de representantes do país. Bahia na Festa do Fogo.

Em seguida, Cristian Vargas transmitiu o agradecimento do governo do Brasil e do estado da Bahia pela honra e alegria de ter a Festa do Fogo dedicada a eles.

O diplomata afirmou que o Caribe é, para o Brasil, um espaço de cooperação, solidariedade e identidade e ressaltou que Salvador da Bahia e Santiago de Cuba são culturas formadoras de identidade, muito próximas cultural e socialmente.

As atividades inaugurais foram concluídas na sede da Casa del Caribe com a exposição “Notas do Tempo” do escultor Alberto Lescay, Prêmio Nacional de Artes Plásticas.

Também estiveram presentes Beatriz Johnson, membro do Comitê Central e primeira secretária do Partido Comunista em Santiago de Cuba, e o governador Manuel Falcón.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS