Brasília, 3 de março de 2021 às 03:10
Selecione o Idioma:

Internacional

Postado em 22/02/2021 4:45

China está criando sistema de treino ‘nunca antes visto’ em meio a ameaças e desafios globais

.

DEFESA

Sputnik – O Exército de Libertação Popular (ELP) da China anunciou no sábado (20) estar criando um novo tipo de sistema de treinamento que poderia melhorar a capacitação militar em todos os aspectos.

O objetivo do projeto seria fortalecer a capacidade de ganhar guerras e de tornar as forças chinesas as melhores do mundo, de acordo com o jornal Global Times.

O novo sistema de treinamento militar vai se concentrar em fazer com que os exercícios do Exército de Libertação Popular (ELP) da China sejam os mais próximos possíveis de um cenário de guerra real, com situações globais e ameaças externas mudando rapidamente, informou um analista militar no domingo (21).

Com o plano aprovado pelo presidente chinês Xi Jinping, que é também diretor da Comissão Militar Central (CMC), a CMC acabou decidindo começar a desenvolver o sistema de treinamento militar “nunca antes visto”, de acordo com a mídia.

Um relato mais detalhado publicado pelo PLA Daily no sábado (20), revista militar do ELP, explica que esta decisão implica que os soldados chineses pratiquem como se estivessem combatendo em guerras reais. Por esse motivo, devem fortalecer exercícios conjuntos, treinar com tecnologia militar, melhorar o apoio a capacidades e talentos dos militares, e a seguir padrões e leis de treinamento e de conquista de guerras, segundo a mídia chinesa.

Song Zhongping, especialista militar e comentarista chinês, contou ao Global Times no domingo (21) que o novo sistema de treino militar está tão focado na realidade que treino e combate real acabarão sendo dois momentos idênticos.

Diferentemente dos EUA, o ELP da China não tem desenvolvido técnicas e capacidades em missões pelo mundo a fora, pelo que o desenvolvimento de um plano de treinos mais intenso e realista poderia ter efeitos positivos na eficácia das forças chinesas.

Song afirma que a China está enfrentando uma rápida mudança no paradigma global, especialmente no que toca a ameaças vindas dos EUA, que têm marcado presença no mar do Sul da China e no estreito de Taiwan, regiões cruciais para o gigante asiático. Sabendo isso, a habilidade do ELP em combates de verdade poderá vir a ser útil.

Por último, o desenvolvimento deste sistema de treino militar é também parte das aspirações de Xi de tornar a China uma nação com defesa nacional e forças armadas completamente modernizadas até 2035.

Comentários: