17.5 C
Brasília
quarta-feira, 24 julho, 2024

ANP: 30 terroristas e 223 elementos de apoio neutralizados no primeiro semestre de 2024

ARGEL (APS) – Trinta (30) terroristas e 223 elementos de apoio foram neutralizados durante diversas operações realizadas por unidades e destacamentos do Exército Nacional Popular (ANP), durante o primeiro semestre de 2024 em todo o território nacional, indica um relatório operacional divulgado sábado por Ministério da Defesa Nacional (MDN).

“Na dinâmica de esforços sustentados de combate ao terrorismo e ao crime organizado multifacetado, unidades e destacamentos da ANP executaram, durante o primeiro semestre de 2024, diversas operações que resultaram em resultados qualitativos que refletem o elevado profissionalismo, vigilância e disponibilidade permanente dos nossos Forças Armadas em todo o território nacional, para frustrar todas as tentativas que visem minar a segurança e a estabilidade do nosso país, bem como a sua soberania, especifica a mesma fonte.

No âmbito da luta contra o terrorismo, “as nossas Forças Armadas procederam à neutralização de (30) terroristas, (223) elementos de apoio, à descoberta e destruição de (10) casamatas e abrigos que serviam de refúgio a grupos terroristas, bem como à recuperação de (26) armas de fogo, (23) bombas de diferentes tipos e quantidades de munições”, acrescentou o comunicado.

No âmbito do combate ao crime organizado, as diversas unidades da ANP “têm aumentado os seus esforços para combater o flagelo do tráfico de droga no nosso país, o que permitiu a detenção de (1.432) traficantes de droga e a constatação de omissão de introdução (Foram apreendidos 176) quintais de kif processado provenientes da fronteira com Marrocos, enquanto foram apreendidos (129) quilogramas de cocaína e (1.1726.988) comprimidos psicotrópicos.

Da mesma forma, “estas operações qualitativas permitiram a detenção de (6.026) indivíduos e a apreensão de (860) veículos, (2.164) britadeiras, (3.587) geradores, (156) detectores de metais, (86) toneladas de mistura de pedra e ouro bruto, bem como (360) espingardas de caça, (1096027) litros de combustível, (104) toneladas de tabaco e (2307) toneladas de produtos alimentares destinados ao contrabando e à especulação, no âmbito de operações distintas em todo o território nacional.

Além disso, destacamentos combinados da ANP “apreenderam (13.573) imigrantes ilegais de diferentes nacionalidades em todo o território nacional”, conclui a mesma fonte.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS