Brasília, 12 de agosto de 2022 às 12:56
Selecione o Idioma:

Venezuela

Postado em 29/06/2022 10:28

Venezuela alerta para possíveis efeitos de organismo tropical

.

Caracas, 29 jun (Prensa Latina) O Governo da Venezuela, as organizações de segurança e proteção civil e as Forças Armadas Nacionais Bolivarianas (FANB) permanecem hoje em alerta máximo para os possíveis efeitos do potencial ciclone tropical número dois da temporada.

Após as 23h00, horário local, na terça-feira, o meteoro estava a nordeste do estado de Sucre, com ventos máximos sustentados de 65 quilômetros por hora, e estava se movendo para oeste-noroeste a 43 quilômetros por hora.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia e Hidrologia, o sistema representa um risco hidrometeorológico para o país sul-americano.

Venezuela-organismo-tropical-mapa

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou na véspera a suspensão das atividades de ensino em todo o território nacional devido à proximidade do organismo tropical e aos potenciais efeitos das fortes chuvas.

Em reunião realizada no Posto de Comando Presidencial com o alto comando político e militar do país, o chefe de Estado informou que o evento atmosférico afetará particularmente os estados de Sucre, Anzoátegui, Nueva Esparta, Miranda, Aragua, La Guaira, Caracas, Carabobo, Falcón e Zulia durante as próximas 48 horas.

Entre as medidas adotadas pelo Executivo Bolivariano, Maduro citou a restrição de voos, a proibição de navegação e a proteção de embarcações de diversos portes, o fechamento de balneários e a limitação de circulação nas estradas com algum tipo de risco.

O presidente ordenou às autoridades regionais e municipais dos estados de maior risco que ativem abrigos para proteção da população localizada em áreas vulneráveis à queda de meteoros.

Da mesma forma, o presidente fez um apelo para instruir a população sobre as principais medidas de prevenção a serem adotadas antes, durante e após a passagem do organismo tropical.

Maduro emitiu instruções para a ativação dos órgãos abrangentes de defesa e dos sistemas de saúde para atendimento de emergência e evacuações, enquanto informou que já estão disponíveis 70 toneladas de alimentos, água potável e suprimentos para apoiar as possíveis vítimas.

Da mesma forma, ordenou o reforço do destacamento dos Corpos de Bombeiros, Proteção Civil e Forças Armadas Nacionais Bolivarianas nos mais expostos ao ciclone tropical.

O presidente venezuelano apelou à consciência do povo venezuelano, à união cívico-militar e à organização social para enfrentar a contingência climática.

Comentários: