Brasília, 1 de julho de 2022 às 19:50
Selecione o Idioma:

Haiti

Postado em 22/04/2022 8:43

Governo haitiano nega a falta de combustível

.

Porto Príncipe, (Prensa Latina) O governo haitiano negou hoje uma falta de combustível, apesar de nos últimos dias muitos postos de serviço terem fechado suas portas, alegando racionamento de combustível.

Segundo o Escritório de Monetização de Programas de Assistência ao Desenvolvimento, os estoques atuais de produtos petrolíferos são suficientes até a próxima entrega de combustível.

O regulador do mercado doméstico disse que estava monitorando a situação de perto e garantiu aos consumidores que os combustíveis estariam disponíveis. Também parabenizou as empresas petrolíferas por assumirem plenamente suas responsabilidades de importar produtos e fornecer postos de gasolina.

Apesar das declarações das autoridades, uma fonte contatada pelo jornal Le Nouvelliste disse que atualmente o terminal de Varreux, que armazena 70% dos produtos petrolíferos do país, tem apenas 16.556 barris de diesel, 44.308 barris de gasolina e 29.223 barris de parafina, o que permite o abastecimento do mercado interno em cinco dias.

A Associação Nacional de Distribuidores de Produtos Petrolíferos advertiu que os postos de serviço estão com falta de combustível e encorajou as autoridades a tomarem medidas para garantir que as entregas sejam retomadas imediatamente.

O Haiti está passando por crises recorrentes de energia, a mais recente das quais paralisou a maioria das atividades econômicas, educacionais e comerciais, e colocou em risco a vida de centenas de pacientes com suporte de vida.

Comentários: