Brasília, 6 de dezembro de 2021 às 06:30
Selecione o Idioma:

Venezuela

Postado em 02/06/2020 8:51

Empresas venezuelanas aderem ao plano de flexibilização

.

Caracas,  (Prensa Latina) Mais de quatro mil empresas venezuelanas aderiram ao plano nacional de flexibilidade 5 × 10 decretado pelo Executivo Nacional, conforme relatado nesta terça (02) pelo presidente da Fedeindustria, Orlando Camacho,
Em contato telefônico com a Venezolana de Televisión, o diretor da Federação de Artesãos, Micros, Pequenas e Médias Indústrias e Empresas da Venezuela explicou que, além disso, progressivamente 33% dos trabalhadores aderiram à iniciativa em dias de rotação. e cumprimento de medidas sanitárias para evitar o contágio por Covid-19.

Ele afirmou que o plano de cinco dias de trabalho para 10 quarentenas iniciado na segunda-feira passada é uma medida positiva que permite avanços na economia do país.

Ele ressaltou que a Fedeindustria tem uma abordagem direta com o Executivo Nacional desde o início da quarentena, trabalha com empresas que fazem parte da agroindústria e da área farmacêutica, conseguindo normalizar o fornecimento de alimentos e medicamentos no país.

Ele ressaltou que os grupos de trabalho foram coordenados entre o setor produtivo, a Vice-Presidência e o Gabinete Econômico, a fim de estabelecer compromissos entre as empresas para a prevenção da Covid-19 e a promoção da economia no país.

‘Foram realizadas reuniões com diferentes ministérios e instituições estaduais, a fim de estabelecer métodos e estratégias em questões fiscais e revisar as condições de trabalho dos trabalhadores. Todos estão incluídos no diálogo’, afirmou Camacho.

Comentários: