Brasília, 5 de agosto de 2022 às 10:02
Selecione o Idioma:

Papo do Dia

Postado em 05/04/2018 7:28

DEPARTAMENTO ESTADUNIDENSE MANDA PRENDER EX-PRESIDENTE BRASILEIRO

.

Da redação Pátria Latina

Brilhante jornalista Tereza Cruvinel escreveu no Jornal do Brasil “Nunca, depois da extradição de Olga Benário para a Alemanha nazista, pela negação de um habeas corpus, uma decisão pesará tanto sobre os ombros do STF. Ou melhor, da maioria de seis.”

Agora se configura esta situação, atualizada para o século XXI. Não para enviar Lula para a Alemanha nazista, mas para cumprir uma ordem do Departamento de Estado dos Estados Unidos da América (EUA), determinada desde que o ex-Presidente mostrou capacidade para transformar o Brasil: eliminando a dívida externa, reduzindo a pobreza extrema, criando 22 universidades, colocando nosso País na pauta dos grandes eventos internacionais – a criação do Banco dos BRICS, que fere diretamente o sistema financeiro internacional, o dono do mundo.

Por este crime, a obscura Cármen Lúcia, articulada com o agente Moro, entrega Lula aos nazistas do século XXI: os que roubam nossas riquezas naturais, os que escravizam o trabalhador com a revogação da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e com a destruição de uma geração, impedindo os investimentos em saúde, educação, infraestrutura, em saneamento básico, pelos 20 anos de congelamento orçamentário.

Pronto, prende-se Lula e o Brasil volta à condição de colônia.

A história e as próximas gerações, como no título de célebre romance do Boris Vian, irão cuspir nos vossos túmulos (j’irais cracher sur vos tombes), carrascos do século XXI.

Mas não há mal que sempre dure, nem bem que nunca acabe. Se permitirem a eleição neste próximo outubro, o agente Moro vá preparando seu passaporte, os demais seis cúmplices tratem de buscar outro poso. A ira de um povo órfão é incontrolável.

Estão destruindo o Brasil e o futuro de nossa juventude por uma fraude processual, por todos conhecidos. Acorda Brasil.

Comentários: