Brasília, 17 de agosto de 2022 às 20:02
Selecione o Idioma:

Colômbia

Postado em 29/06/2022 10:24

Começa a transição de governo na Colômbia

.

Bogotá, 29 jun (Prensa Latina) A primeira reunião conjunta entre o novo governo do presidente eleito, Gustavo Petro, e o governo de saída de Iván Duque, acontecerá hoje na Casa de Nariño, sede do governo colombiano.

Os setores de Transporte, Comércio e Função Pública ocuparão a agenda do dia, encabeçados por Constanza García, María Fernanda Valdés e César Manrique, respectivamente, detalhou um comunicado da equipe de imprensa do presidente eleito.

Após a formação de 23 equipes chefiadas por delegados de Petro, mais 10 gerentes que se encarregarão de coletar informações sobre questões transcendentais para o próximo governo, começarão as reuniões de transição.

Esses temas prioritários são Inclusão e Reconciliação Social, Hidroituango, Metrô de Bogotá, Crise da Fome, Monômeros e Ferticol, Bancos Públicos, Juventude, Populações, Anticorrupção e Drogas e Narcotráfico.

Na quinta-feira desta semana, o processo de troca de governo continuará nos setores de Defesa e Vice-Presidência; e na sexta-feira será concluído um primeiro processo com o Ministério das Relações Exteriores, Esportes, Habitação, Minas e Energia, Agricultura e Meio Ambiente.

Na próxima semana, a partir de terça-feira, 5 de julho, o processo será realizado por cada uma das 190 entidades do país, para as quais serão formadas equipes lideradas por 190 pessoas delegadas pelo presidente eleito para realizar esse processo.

Nesta terça-feira, a equipe de emendas de Gustavo Petro se reuniu nesta capital para finalizar os detalhes e protocolos desta primeira reunião de transição.

No segundo turno eleitoral realizado no domingo, 19, Gustavo Petro e Francia Márquez, do Pacto Histórico, conquistaram a vitória com 11.292.758 votos, enquanto Rodolfo Hernández e Merelen Castillo, da Liga de Governantes Anticorrupção, obtiveram 10.604.658. votos.

Comentários: