Brasília, 2 de dezembro de 2021 às 23:20
Selecione o Idioma:

Sem Titulo

Postado em 13/04/2016 7:29

Chancelaria: Governo sírio tem direito de responder às ações terroristas

.

© Sputnik/ Mikhail Voskresensky
 O vice-ministro das Relações Exteriores russo Sergei Ryabkov disse que hoje há rumores sobre que o cessar-fogo na Síria não é estável. Destacou que recentemente havia muitos contatos; entretanto, a situação permanece bastante tensa.

“Estamos vendo, infelizmente, que em algumas direções na Síria a Frente al-Nusra e os seus aliados realizam sua ofensiva. É claro que as forças governamentais não podem desistir de responder nestas condições. Não há nenhuma violação do cessar-fogo. Entretanto, as tentativas de apresentar isso de modo diferente é uma mais prova de que os nossos colegas nos EUA procuram modos para aumentar a pressão sobre Damasco, inclusive com o uso de força militar, infelizmente“, afirmou Ryabkov.

A declaração de Ryabkov foi feita após a publicação do artigo no jornal norte-americano Wall Street Journal que diz que a CIA e os seus parceiros regionais prepararam um plano de abastecer a oposição moderada síria com armamentos mais potentes caso o cessar-fogo no país seja frustrado. Segundo o jornal, o foco de plano é abastecer a oposição com sistemas militares capazes de atacar aviões do regime sírio e posições de artilharia.O cessar-fogo negociado por Rússia e Estados Unidos entrou em vigor na Síria em 27 de fevereiro. A trégua teve o apoio do governo sírio e de dezenas de grupos de oposição, porém não contempla os grupos terroristas Daesh e Frente al-Nusra.

Leia mais: http://br.sputniknews.com/mundo/20160413/4128606/governo-siria-terroristas.html#ixzz45hWtvAyD

Comentários: